O que é MEI – Microempreendedor Individual ? Quem pode se cadastrar ?

o-que-e-meiFifty Shades Darker 2017 movie download

O MEI (sigla para Microempreendedor Individual) foi criado em julho de 2009 com a finalidade de legalizar o trabalho informal, provando que trabalhar dentro da lei tem muito mais vantagens e rentabilidade do que ficar na clandestinidade.

Atualmente, existem muitas pessoas que trabalham por conta própria e perdem oportunidades de assinar contratos e parcerias com empresas ou, com o governo, porque não possuem o registro de seu negócio.

A expansão do marketing digital que também atrai muitas pessoas que desejam trabalhar em casa, fez surgir uma legião de afiliados e produtores que movimentam milhões de reais todos os anos, e que agora podem ter seu CNPJ e deixarem de trabalhar ilegalmente.

Qualquer cidadão pode se registrar como MEI e o processo é bem simples, feito através do portal do empreendedor. O número do CNPJ sai na hora e é necessário apenas o pagamento de uma taxa mensal correspondente a recolhimento da Previdência Social e ISS.

Por fazer esse pagamento mensal o MEI tem todos os direitos previdenciários garantidos como auxílio-doença, auxílio-maternidade e aposentadoria entre outros. Ou seja, é um valor baixo para a pessoa poder assegurar seu ganho da previdência no futuro.

Pessoas registradas como MEI estão isentas de escrituração fiscal de acordo com a Lei e podem emitir nota fiscal para empresas ou, para o governo. Também podem abrir conta bancária como pessoa jurídica e dessa forma ter acesso a financiamentos a juros bem mais baixos e incentivos perante fornecedores diversos.

Principais exigências para ser um microempreendedor individual

A principal característica do MEI é que trabalha geralmente pela internet e não necessita de localização fixa para exercer suas funções. Pessoas que trabalham com revenda física, máquinas automáticas, telemensagens e, outras formas virtuais que estejam previstas na lei podem se beneficiar do cadastro.

São indivíduos que trabalham por conta próprio e acabam se legalizando como pequenos empresários. AS principais restrições para ser um MEI são:

Faturamento anual até 60 mil reais

Pessoas que faturam até 5 mil reais por mês durante o ano podem ter seu CNPJ como MEI, esse é o teto máximo de faturamento dessa categoria. A atividade da empresa precisa estar prevista no Simples Nacional.

Sociedade em outros negócios

O pleiteante ao registro como MEI não pode ter vínculo de sociedade em outra empresa.

Apenas um empregado

O contribuinte MEI pode contratar apenas UM empregado ganhando salário mínimo ou piso da categoria.

Se você trabalha por conta própria e ainda não tem seu registro como MEI providencie o mais rápido possível e legalize sua situação. As vantagens são inúmeras e você sempre poderá migrar para o Simples quando começar a faturar mais de 5 mil reais por mês.

Onde comprar roupas para revender na sua cidade

 

onde-comprar-roupas-para-revenderEncontrar bons lugares onde comprar roupas para revender, é o tipo de coisa que a maioria dos revendedores procura. Conseguir melhores preços e condições de pagamento, são boas formas de ter melhores lucros e investir melhor o capital.Watch Full Movie Online Streaming Online and Download

Trabalhar com revenda de roupas é gratificante e muito dinâmico, já que a moda está em constante mudança e é preciso acompanhar as tendências de perto para ter sempre mercadoria de boa qualidade e aceitação.

O maior problema dos revendedores é justamente encontrar roupas de qualidade a preços acessíveis para poderem repassar com um lucro substancial sem encarecer muito o produto para o consumidor final.

Com o crescimento dos negócios virtuais, muitas pessoas aderiram a revenda de roupas como profissão e, por isso, a concorrência é grande. Para driblar esse obstáculo é importante ter peças diferentes e de ótima qualidade.

Procure investir o capital em peças diversas sem comprar muitas unidades do mesmo produto, e vá comprando conforme for vendendo, assim você consegue ir entendendo o gosto dos seus clientes e cada vez mais, acertará em cheio na compra dos produtos.

Uma forma muito boa de trabalhar com revenda é atender encomendas. Algumas lojas de roupas no atacado possuem catálogos de seus produtos e fornecem para revendedores. As pessoas escolhem e você compra o que já estiver vendido, fator que diminui seu risco de fazer estoque para produtos que você nem sabe se vão vender!

Onde comprar roupas de marca para revender

Trabalhar com produtos de marcas famosas é uma boa forma de atrair clientes e fazer vendas. Também ficar conhecido como fornecedor de peças exclusivas. Quando procurar lugares de revenda desse tipo de peças, tenha certeza que são originais ou que sejam imitações bem aproximadas, mas nunca venda uma imitação como se fosse original, pode queimar-se com sua clientela.

Toda cidade tem um centro comercial onde pode-se encontrar roupas direto das fábricas, com certeza, na sua cidade encontrará também esses locais que vendem peças próprias ou de outras marcas.

Atualmente existem cursos online que ensinam importar roupas de marca, originais direto dos EUA, pagando pouco e com certeza de entrega. Essa pode ser uma boa opção de negócio se você possuir um capital para investimento.

Se trabalhar com roupas importadas originais, com certeza, atrairá uma clientela seletiva e exigente que sempre terá interesse nas peças que você adquirir. Fazer um enquete entre os clientes para ver o que eles gostariam, também é um método prático para não comprar produtos que encalharão.

Fique de olho nas ruas, veja o que as pessoas estão vestindo e perceba o gosto de seus clientes. Dessa forma não tem como errar comprando roupas para revender.

Nomes para empresas: dicas práticas para escolher o nome ideal

Escolher nomes para empresas é uma tarefa complexa que deve ser executada com cuidado e muita paciência.

Tudo isso porque o nome é a coisa mais importante de uma empresa, é a primeira coisa que se apresenta e aparece para os clientes. Se a escolha for feita de forma errada ou sem o cuidado necessário, pode comprometer o crescimento da empresa para sempre.

Algumas empresas nascem de idéias geniais e recebem nomes que ficam para a posteridade. O filme “Jobs” mostra como surgiu o nome de uma das empresas mais famosas do mundo, a “apple”. Esse nome foi apenas uma sugestão momentânea e seria trocado em algum momento. Mantém-se até hoje como líder de mercado do seu segmento.

Nem todo mundo tem a sorte de pensar em um nome que emplaque de primeira, e é por isso que existem alguns parâmetros que devem ser atendidos na escolha do nome da empresa, para ajudar as pessoas a criarem essa decisão acertadamente.

Tire um bom tempo para essa tarefa, anote tudo que aparecer em sua mente relativo a empresa que precisa nomear. Nicho de mercado, público, produto, ideologia. Não deixe nada de fora, o nome acabará aparecendo nessa brainstorm.

Como encontrar nomes para empresas criativos

Para ajudar nessa tarefa importante para seu negócio damos 3 dicas diferentes para encontrar o nome ideal para sua empresa.

1 – Pesquisas

Analise o máximo de nomes de concorrentes diretos do seu negócio. Tente descobrir como os nomes foram criados, a maioria dos donos de negócios, colocam essa informação na página “Sobre” de seus sites. phentermine Anote tudo que achar pertinente a sua própria empresa. Fazer isso trará uma perspectiva maior sobre o que existe no mercado e fará com que você encontre o motivo certo para escolher uma determinada nomenclatura.

2 – Promova um concurso

Se você já está no ramo informalmente, já tem um público. Promova um concurso com uma premiação que seja interessante para sua audiência, onde ela dará dicas de nomes para seu negócio, vale chamar amigos e parentes para participar, quanto mais idéias melhor. Às vezes, as pessoas que estão de fora conseguem enxergar muito melhor que quem está dentro da situação.

3 – Referências culturais

Faça uma lista das suas referências culturais. Desde seu primeiro livro até os dias atuais. Liste nomes de programas, personagens, filmes, seriados, comerciais, brinquedos, passatempos, esportes. Fazendo isso você terá uma lista segura das coisas que acredita e pratica, o nome da sua empresa pode estar aí.

Alguns profissionais trabalham criando nomes para empresas, essa tarefa chama-se “naming” e é responsável pela criação de diversos nomes conhecidos que vemos por aí.

O que vender na internet para ganhar dinheiro ?

o-que-vender-na-internetÉ preciso ter em mente, exatamente o que vender na internet, para não correr riscos de perder tempo promovendo e oferecendo produtos que não tenham aceitação no mercado.

Quem trabalha, promovendo produtos pela internet sabe, que é preciso escolher produtos de qualidade e que sejam procurados pelo público. Oferecer qualquer tipo de curso ou produto físico apenas pelo valor da comissão é perder tempo, correndo o risco de não fazer vendas.

O mercado de afiliados de produtos digitais é bem amplo, existem muitos produtos e várias plataformas para trabalhar, mas mesmo vendendo apenas produtos de terceiros existe a necessidade de conhecer bem o público alvo e o infoproduto que se deseja vender.

Em qualquer nicho de mercado, conhecer o público alvo é a base para vender bastante, oferecendo soluções para problemas específicos da audiência. Um empreendedor americano disse: “somos remunerados para resolver problemas da audiência”.

Essa afirmação já responde a pergunta do título. Você deve vender na internet, produtos que resolvam os problemas das pessoas.

Produtos para vender na internet

Partindo dessa premissa, a pergunta a ser feita é: “O que as pessoas desejam ?”. Cada nicho de mercado terá uma resposta diferente, o que você precisa fazer é definir com qual produto deseja trabalhar.

Você pode vender praticamente tudo virtualmente, até mesmo um produto criado por você. Nos milhares de segmentos de mercado que existem você encontrará soluções para os mais variados problemas. Veja abaixo os melhores nichos para encontrar o que vender na internet.

Saúde

As pessoas pesquisam sobre problemas de saúde específicos na internet. Atualmente existem bons produtos voltados para as pessoas que possuem doenças como diabetes, celíaca, calvície, impotência, ejaculação precoce e até problemas emocionais.

Relacionamento

Nunca existiram tantos cursos e e-books voltados para esse segmento como agora. São cursos que ensinam a ter melhor estima para conquistar o sexo oposto e que contém dicas infalíveis para se relacionar amorosamente.Watch Full Movie Online Streaming Online and Download

Beleza

Além dos produtos físicos tradicionais como maquiagem, produtos para cabelo e cremes em geral, os infoprodutos chegaram com tudo. São cursos que ensinam passo a passo como se tornar maquiadora, como fazer unhas decoradas e como ser colorimetrista (pessoas que trabalham com tingimento de cabelos).

Como pode perceber existem infinitas possibilidades de produtos que podem ser vendidos através da internet. Cada vez mais, as pessoas estão fazendo compras virtualmente, porque é prático e economiza tempo. Aproveite essa onda e embarque com tudo nessa profissão. Escolha seu nicho de atuação ou, atue em vários nichos diferentes potencializando seu poder de vendas e conquiste sua liberdade financeira.

Quero revender roupas: passo a passo para começar

Algumas pessoas dizem: “Quero revender roupas e ter meu próprio negócio”, e começam a procurar formas de realizar esse desejo de ter autonomia para trabalhar.

Diferentes de outros negócios, revender roupas requer uma certa disposição, já que é preciso ir a vários fornecedores diferentes, tanto fisicamente quanto pela internet, já que muitas fábricas vendem seus produtos online.

Umas das vantagens desse negócio é justamente poder fazer compras pela internet e receber em casa, isso economiza um bom tempo que seria despendido indo de loja em loja para comprar diversos produtos, e ainda ter que ficar carregando o peso das sacolas.

Atualmente a maioria das indústrias de roupas faz vendas para sacoleiras e revendedores a preços bem convidativos, que oferecem a possibilidade de lucros altos com o repasse para o consumidor final.

Pesquise sobre fornecedores, pergunte a outros revendedores sobre novas fábricas e visite na internet os feirões de fábrica que costumam vender peças boas a preços baixos.

Certifique-se das formas de pagamento oferecidas, sistema de trocas de peças, quantidade mínima para efetuar a primeira compra e quantidade para caracterizar compra no atacado. Faça essa pesquisa com vários fornecedores e vá pontuando cada um para, no final, saber quais os que oferecem as melhores condições e produtos.

Quero revender roupas direto da fábrica

Para começar a revender roupas, direto da fábrica, você precisará visitar locais de vendas, como por exemplo, a região do Brás em São Paulo. É a maior concentração de lojas de fábrica vendendo a preços de atacado para sacoleiras e revendedores.

Algumas lojas da região possuem lojas virtuais, mas é interessante ir pessoalmente para conseguir peças diferenciadas que podem não estar cadastradas na venda virtual. As lojas da região são bem conhecidas e algumas trabalham com segunda linha de marcas famosas como C&A, Chocolate e Cavalera. Geralmente as peças dessas marcas estão sem as etiquetas, mas o que vale é a qualidade e design das roupas.

Procure comprar peças atemporais para não ter perigo de encalhe. Peças mais específicas e de cores exóticas devem ser compradas apenas para atender encomendas. Fique por dentro das tendências da próxima estação e procure ter peças que sejam da moda e de fácil aceitação pelos clientes.

Promova tardes de compras na sua casa ou, em casa de amigas para reunir possíveis compradores e faça também divulgação dos seus produtos nas redes sociais, que são uma ótima forma de atrair clientes novos para aumentar as vendas.

[nome]
[nome]
[email]
[email]
[submit]
[submit]
[submit]
[submit]
[formId]
[formId]
[return]
[return]
[formName]
[formName]